| Login | Crie o seu Jornal Online FREE!

JORNAL RJ -NITERÓI E BAIXADA FLUMINENSE
Desde: 16/11/2009      Publicadas: 8706      Atualização: 01/10/2013

Capa |  ADMINISTRAÇÃO & ECONOMIA  |  BLOG  |  CÂMARA ESTADUAL  |  CÂMARA FEDERAL  |  CÂMARA MUNICIPAL  |  CIDADES & BAIRROS  |  EDUCAÇÃO E CULTURA  |  ESPORTE X LAZER  |  FESTAS E SHOWS  |  GASTRONOMIA X MODAS  |  GOVERNO ESTADUAL  |  GOVERNO FEDERAL  |  GOVERNO MUNICIPAL  |  JUSTIÇA X DIREITO  |  LINK  |  NOSSO JORNAL  |  POLÍTICA  |  SAÚDE X BELEZA  |  SENADO  |  TEATRO & TV & SHOW  |  TECNOLOGIA


 NOSSO JORNAL

  10/03/2012
  0 comentário(s)


O Fundamentalismo Religioso no Trabalho

Veja, com acesso para leitura inteiramente gratuito, o livro "As Seitas Organizacionais" no site do CRA-RJ, biblioteca/acervo digital, que trata da construção de ambientes totalitários no cotidiano das macro corporações complexas do mundo globalizado. Examine se você integra ou já participou delas.

O Fundamentalismo Religioso no TrabalhoO livro "As Seitas Organizacionais " o fundamentalismo religioso no trabalho" baseia-se nas minhas experiências vivenciadas na realidade das organizações públicas e privadas com as quais tive o privilégio de conhecer em primeira mão, quer como profissional, executivo, consultor, analista e político militante. Ao formular as reflexões e críticas constantes deste livro, tentei fundamentalmente condensar as minhas próprias experiências e observações pessoais, embora muitas delas tenham sido enriquecidas pelos debates com colegas e amigos. A maior parte sobre o que falo não ocorre à luz clara do dia, mas se faz na penumbra e na dissimulação com que muitas organizações escamoteiam as suas verdadeiras realidades. Analiso as contrafações do que se convencionou chamar de responsabilidade social, ética empresarial, empresa-cidadã, voluntariado solidário, governança corporativa, democracia das relações de trabalho, universidade corporativa. Entenda-se por contrafação tudo o que se produza de falso, fraudulento, artificial, enganoso, manipulativo, distorcido ou postiço na concepção e prática dessas políticas e processos tão em voga no mundo das organizações complexas dos tempos presentes. Aglutino todas essas contrafações no que genericamente denomino de "Seitas Organizacionais".
Considero que o surgimento das seitas no mundo do trabalho seja uma investida totalitária por excelência nas relações sociais existentes nas organizações, com sérias repercussões para a predominância da democracia na sociedade contemporânea.
Não incluí tantas notas de rodapé nem tantas citações de grandes pensadores da gestão empresarial como seria natural esperar num trabalho desta espécie. Optei por descrever o que vi e ouvi, o que presenciei, constatei e participei, e sobre o que fiz ilações, produzi reflexões, comparei, confrontei e investiguei a meu modo com outras realidades com as quais não convivia diretamente. Cheguei às minhas conclusões.
Aqui não há verdades irrefutáveis, possivelmente algumas generalizações injustas. Talvez o leitor possa ficar de orelha em pé e olhos bem abertos indagando-se se a sua própria organização não seria também uma seita de devoção ao trabalho. Se isto acontecer, eu já terei cumprido o propósito pelo qual me dispus a escrever tanto. Muitos dirão que estou enganado sobre tudo o que descrevo e acuso. Vão até apresentar fatos e argumentos em contrário. Lamento, mas aqui apenas ofereço a interpretação dos ambientes organizacionais complexos de grandes corporações que conheço, quer por deles participar quer por os haver investigado com os olhos atentos forjados numa longa jornada profissional, tanto como gestor, consultor e como político. Vi a realidade das organizações serem produzidas. E aprendi muito, ora perplexo ora escandalizado, muitas vezes surpreso, outras tantas indignado. Neste livro tento destilar a essência de tudo isso. Relato as minhas desilusões, mas aponto expectativas e esperanças de um novo tempo.
Não me dirijo a um leitor comum de temas sobre a gestão das organizações e a ciência da administração. Normalmente esse rejeita a reflexão crítica da realidade em que vive e prefere a indicação de caminhos e rumos a trilhar para o sucesso imediato. Aqui vai encontrar a denúncia e a revolta contra escândalos da realidade social das macro organizações complexas em que vicejam a deformação de valores, a distorção de papéis, a prevalência da esperteza e da hipocrisia, a teatralização das aparências, a manipulação de pessoas, a deformação de caráter e a legitimação de práticas que coisificam o ser humano. Aí sim, ao denunciar, traço alternativas a seguir para que o leitor individualmente escape da mesmice e se liberte, se for o caso, dos ardis a que possa estar submetido sem se ter ainda dado conta.
O equívoco essencial de quem se propõe a examinar a realidade social é a de vê-la somente sob a sua perspectiva. A objetividade é sempre ilusória. A análise dos consultores de organização mundialmente reconhecidos revela discordâncias sobre pormenores e detalhes os mais elementares. Muitos afirmam que algo está errado, incorreto ou distorcido para contraporem-se ao que acreditam ser um equívoco de fato, mas que na verdade revela muitas vezes apenas percepções diferentes para o mesmo fato. Tamanho equívoco essencial leva à busca seletiva de fatos, idéias e conceitos justamente para sustentar e defender um ponto de vista na compreensão de determinada questão. Espero que tenha preponderantemente escapado dessa sutil armadilha. De qualquer forma, a viagem que ora empreendo à realidade dos tempos presentes das organizações pode ser comparada a de um turista recém chegado a um país estrangeiro: muito do que vê é distorcido ou impreciso, mas também é capaz de perceber dimensões e peculiaridades que os habitantes nacionais não conseguem enxergar por as terem assumido como naturais, por conviverem com elas no cotidiano. Não despreze, portanto, as impressões e percepções que lhe apresento para análise. Confronte-as com a sua própria realidade.
Espero que este esforço de síntese abra um debate sobre a perigosa tendência da transformação das organizações em seitas. A história da humanidade nos mostra que quando as religiões são preponderantes, elas passam a impor os seus valores nas instituições políticas e nos costumes de uma sociedade. É o totalitarismo teológico a determinar o cotidiano de nossas vidas, agora também no mundo do trabalho. Cultiva-se a idolatria da organização como fim supremo do ser humano na sua busca de felicidade.
É evidente que não apresento um caminho novo para as organizações. Talvez o que tenha de novo é o jeito de olhar e perceber uma realidade social que pouco a pouco se descortina no cotidiano do mundo do trabalho. E, mais do que isso, a convicção de que essa tendência não pode continuar a prosperar. Por certo, nem tudo que se enfrenta pode ser modificado ou descontinuado. Mas nada será modificado se não for enfrentado já, a partir de agora.
Wagner Siqueira
wagners@attglobal.net
http://wagnersiqueira.blogspot.com
http://twitter.com/wagners
www.wagnersiqueira.com.br





  Mais notícias da seção INTERNACIONAL no caderno NOSSO JORNAL
03/03/2013 - INTERNACIONAL - O Patrão de Si Mesmo
A luta de classes entre patrões e empregados se transferiu para o íntimo de cada trabalhador. Não mais se dá por meio da mediação, da negociação e do dissídio dos sindicatos. Esta é a razão intrínseca do desprestígio dos movimentos sindicais em todo o mundo....
09/02/2013 - INTERNACIONAL - A Pesquisa de Hawthorne
O que efetivamente demonstram as tragédias dos suicídios e os sofrimentos psicológicos que estigmatizam o funcionamento das grandes corporações empresariais em todo o mundo?...
04/11/2012 - INTERNACIONAL - É Possível Conciliar Ética e Lucro? (Parte IV)
"Ao ingressarem no mundo do trabalho as pessoas fraturam o seu comportamento ao conviverem simultaneamente com as imposições de duas éticas distintas e ambivalentes: a ética de convicções e a ética de resultados"...
14/10/2012 - INTERNACIONAL - É Possivel Conciliar Ética e Lucro? Parte III
A tentativa de generalização de aplicação dos pressupostos da ética empresarial coloca em cores vivas o equacionamento da resposta objetiva e concreta à necessidade de compatibilização dos conceitos de lucro e de ética no mundo corporativo....
13/10/2012 - INTERNACIONAL - É Possível Conciliar Ética e Lucro? (Parte II)
Grande "must" do mundo corporativo nos dias atuais, a indagação comporta questionamentos e dúvidas, mas afirma o limiar de um novo tempo. Será?...
13/10/2012 - INTERNACIONAL - É Possível Conciliar Ética e Lucro? (Parte I)
Grande "must" do mundo corporativo nos dias atuais, a indagação comporta questionamentos e dúvidas, mas afirma o limiar de um novo tempo. Será? Leia os textos seqüenciais sobre o tema, reflita, forme o seu juízo, e chegue às suas próprias conclusões....
22/06/2012 - INTERNACIONAL - O Pensamento Único nas Organizações
A privatização da sociedade civil, umbilicalmente vinculada à profissionalização das grandes ONGs internacionais, traz em seu bojo o florescimento de um novo risco à democracia nos tempos modernos, ou seja, o ovo da serpente do totalitarismo: o espírito crítico da sociedade se circunscreve à hegemonia de um pensamento único, percebido equivocadamen...
27/03/2012 - INTERNACIONAL - Elementos Essenciais do Trabalho em Equipe
Uma equipe de trabalho possui elementos peculiares de atitude e de ação. As análises de seu desempenho, dos comportamentos de seus membros individuais ou dos resultantes do trabalho coletivo são bastante expressivas para a compreensão de sua atuação e de como deveria funcionar para tornar-se mais eficaz. ...
13/02/2012 - INTERNACIONAL - Desenvolvimento Individual - o primeiro passo para a mudança
O primeiro passo para o processo de mudança das organizações se dá com o desenvolvimento individual....
08/01/2012 - INTERNACIONAL - Faço parte de uma equipe?
Quase sempre se toma esta questão como óbvia demais para ser respondida e, até mesmo, desnecessária a sua consideração. A pergunta é: sou parte de uma equipe? E, se sou, de que equipe? Quais são as outras partes? ...
27/12/2011 - INTERNACIONAL - Tal Presidente, tal Organização...
O dirigente precisa avaliar com cuidado as repercussões do seu estilo sobre o caráter ou a maneira de ser da sua própria empresa. Ela é sua extensão, pois afinal "o fruto nunca cai longe da árvore"....
06/12/2011 - INTERNACIONAL - Cultura Organizacional: você entende mesmo o que isso significa?
Quando os progressos das Ciências Sociais revelaram que o sentir e o pensar são, simultaneamente, fonte e limite do comportamento humano, abriram-se os caminhos a formulações bem mais profundas no campo da teoria das organizações....
07/11/2011 - INTERNACIONAL - Líderes: uma espécie em extinção?
Os escândalos de todos os dias, amplamente trombeteados pela imprensa em todo o mundo, têm gravitado em torno de duas questões centrais, vitais para o nosso cotidiano: a corrupção generalizada, " governamental e empresarial, nacional e internacional ", e a escassez de lideranças. ...
07/11/2011 - INTERNACIONAL - A Obsolescência dos Executivos
Obsolescência é a incapacidade de o executivo manter face às mudanças da ambiência organizacional um comportamento adaptativo e inovador, criativo. É o fracasso de alguém que já foi capaz de obter resultados que normalmente seriam dele esperados....
08/10/2011 - INTERNACIONAL - Universidades: a serviço do mercado
De forma geral, um novo campo de acumulação de capital se abre com a transformação das universidades em fábricas de produção do saber eficaz, ou seja, a serviço dos interesses comerciais do mercado....
26/09/2011 - INTERNACIONAL - O Ensino da Administração Centrado no Mercado
À semelhança de todo sistema de educacional contemporâneo, o ensino e a prática da administração e da gestão das organizações são baseados nos pressupostos de uma sociedade inteiramente centrada no mercado....
20/09/2011 - INTERNACIONAL - A Nova Ciência das Organizações
A reedição pela Editora da FGV, em futuro próximo, do livro "A Nova Ciência das Organizações: uma reconceituação da riqueza das nações", de Alberto Guerreiro Ramos, vai provocar novamente um terremoto nos dogmas e nas formas de pensar e de agir nas realidades organizacionais....
27/08/2011 - INTERNACIONAL - A Ordem Institucional-Legal
O que vai limitar a Ordem Econômica ou Tecnocientífica, ou seja, o desenvolvimento das ciências e das tecnologias, o progresso científico-tecnológico, os avanços da economia de mercado?...
31/07/2011 - INTERNACIONAL - A Ordem Tecnocientifica ou Econômica
As teorias das organizações se forjam nas possibilidades e nas realidades objetivas da Ordem Tecnocientifica ou Econômica. Legitimá-las ou rejeitá-las são circunstâncias que podem conduzir ao sucesso corporativo no universo da sociedade...
17/07/2011 - INTERNACIONAL - A Motivação para a Realização
Quase todas as pessoas tendem a se autoperceberem como motivadas para a realização. ...
28/06/2011 - INTERNACIONAL - Você participa efetivamente de uma equipe de trabalho?
Será que você forma uma equipe de trabalho profissional em sua organização, ou apenas tal condição nada tem a ver com a sua realidade específica?...
05/06/2011 - INTERNACIONAL - A Sociedade do Conhecimento Integrada no Âmbito Empresarial
A Educação na Sociedade de Mercado.A escola se submete, cada vez mais, a enormes pressões para que se conforme aos novos paradigmas da globalização e da lógica da sociedade de mercado....
24/05/2011 - INTERNACIONAL - A Missão e a tarefa de nosso tempo
A organização é o reduto autoritario da sociedade brasileira. E e´ em seu cotidiano que se procede á discriminação contra as mulheres. Fazer avançar a equidade de generos é a missão e a tarefa de nosso tempo...
16/04/2011 - INTERNACIONAL - O Mito da Responsabilidade Social das Empresas
É uma doce ilusão julgar que mudanças voluntaristas produzidas por empresários progressistas sejam capazes por si só de transformar o sistema econômico, garantindo-lhe algum sentido de espírito publico e de bem comum....
30/03/2011 - INTERNACIONAL - RESPEITO AO CLIENTE
Encantar o cliente, eis o lugar comum de quisquer organizações. Ou seria fidelizá-lo, isto é, submetê-lo aos interesses dasorganizações`.Certamente, colonizá-lo expresse melhor o que hoje se faz, isto é, colocálo a serviço da empresa e ainda fazê-lo a pagar mais ainda por isso...
10/03/2011 - INTERNACIONAL - A Tirania da Urgência
A lógica das organizações modernas se sustenta na fomentação do stress, na manutenção permanente das atividades, "sempre se está muito pressa", na definição diuturna do emergencial, uma após a outra, num ciclo de urgências que não se encerra....
05/03/2011 - INTERNACIONAL - A Destruição Criadora
Joseph Schumpeter desenvolveu o conceito de que as inovações tendiam a destruir os produtos e serviços, metodos e processos de trabalhos fundados anteriormente. Nada mais contundente nestes tempos presentes do que o conceito de destruição criadora...
14/02/2011 - INTERNACIONAL - Ócio criativo
A profunda alteração do modelo econômico globalizado, de um capitalismo de produção, bem descrito por Marx, para um capitalismo de crédito e de consumo,ainda pouco percebido, muito menos compreendido, joga por terra para a quase totalidade das pessoas empregadas nas organizações e, muito mais, para os desempregados temporários e os definitivos, os...
22/01/2011 - INTERNACIONAL - A Teoria X e a Teoria Y
O texto apresenta concepções e práticas adotadas na gestão de pessoal no mundo das organizações e as analisa à luz dps conhecimentos das ciênciasdo comportamento humano no trabalho ...
08/01/2011 - INTERNACIONAL - Você Tem Vocação Para Empreendedor
Uma das mais cruciais decisões de um executivo bem sucedido é se deve iniciar uma carreira empresarial após tantos anos de contribuição às organizações em que trabalhou como empregado....



Capa |  ADMINISTRAÇÃO & ECONOMIA  |  BLOG  |  CÂMARA ESTADUAL  |  CÂMARA FEDERAL  |  CÂMARA MUNICIPAL  |  CIDADES & BAIRROS  |  EDUCAÇÃO E CULTURA  |  ESPORTE X LAZER  |  FESTAS E SHOWS  |  GASTRONOMIA X MODAS  |  GOVERNO ESTADUAL  |  GOVERNO FEDERAL  |  GOVERNO MUNICIPAL  |  JUSTIÇA X DIREITO  |  LINK  |  NOSSO JORNAL  |  POLÍTICA  |  SAÚDE X BELEZA  |  SENADO  |  TEATRO & TV & SHOW  |  TECNOLOGIA